segunda-feira, janeiro 22, 2007

A segunda resenha - por Victoria Saramago

A palavra-lâmina é o título da segunda resenha que sobre o Imp. escreveram. Na verdade foi a primeira, já que saiu, no Almanaque Virtual, no dia 12.01.07.
O texto, escrito pela romancista Victoria Saramago, pode ser lido aqui (é só clicar).
Um poema, na resenha, foi principalmente focalizado. Segue a peça completa:


Cinco retalhos

a Meu Abstrato Mestre

II

Ali está
Junto ao meio-dia
No fundo largo e solitário
Da basta melancolia



III

Ali está
Uma alma ainda
Reside mansas nuvens
Ainda sombras de mergulho
A imagem a imagem
Sono este
Sonho branco
Estranhíssimo marfim


IV

Mole floresce (folhas)
Sombreia sombras
(Ali estão)
Aranhas bebem
Porção de cores
Dormem tranqüilas
Escuras
(Poças)

V


Luz que brisa
Nenhum
A
Paga
Que espelho
Nenhum
Que
Brado
(Só uma
Palavr
A
Vara
Que afund
A
Funda)

4 Anátemas

Anonymous ediney santana disse...

esta poesia é de uma rara beleza, tem sem si tudo que se pode esperar de uma costrução literária

12:56 PM, janeiro 24, 2007  
Anonymous Anônimo disse...

belíssimo poema.
palavras bem postas e (re)construídas.
e belas imagens criadas.

tá de parabéns!

2:18 PM, janeiro 26, 2007  
Blogger Márcio Bezerra disse...

tô lendo e lendo e lendo, infinitas possibilidades sua arte amigo, valeu a visita no desterro21, aguarde comentários mais detalhados...

9:37 PM, janeiro 26, 2007  
Anonymous marconi leal disse...

Thiago, teus poemas são muito bons. Parabéns.

1:16 AM, janeiro 28, 2007  

Postar um comentário

Criar um link

<< Home